Convite a quem nos visita

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Facadas matam jovem

Mais um drama na nossa terra, a linda Madeira. «Uma jovem foi ontem assassinada, alegadamente pelo ex-nomorado, apresentava cerca de 36 facadas no corpo».
Ora são suicídios, ora homicídos, roubos por todo lado. Que ambiente terrível nos rodeia. Não parece real. Porém, as desgraças acontecem, então, é mesmo real, acordamos, para um real tenebroso, frio, cruel. A vida deixou de ter valor. Tirar vida (matar seres humanos) é como dar um passeio ao fim da tarde nas nossas lindas promenades. Este horror surpreende. Este horror mete medo. Este horror perante a desvalorização da vida do outro, faz pensar e temer o nosso futuro comum.
O que faltará mais para acordarmos todos não sei do quê e começar a fazer ver que a vida é um bem precioso que deve ser amado e acarinhado por todos? - Esta falta de noção dos limites está a conduzir-nos para a desgraça e mais fará se não houver mestria para mudar de vida.
Aboliu-se o respeito das relações humanas. O «dobrar a língua» como nos ensinavam passou a ser coisa de caretas, ora vejam, temos a falta de respeito por tudo e por todos. Nada deste mundo impõe respeito. O além (Deus) também pouco importa, porque deixou de existir na educação, não acompanha o crescimento. O culto do «eu» e só «eu» é que sou e posso tudo sobre todos. E algumas ciências sociais que justificam todos os comportamentos com as mais disparatadas razões, também têm alguma culpa. Temos, então, este descalabro social que senão encontrar mudança ameaça o futuro de todos nós.
JLR
A imagem é apresentada em: deolhos.blogspot.com

2 comentários:

tukakubana disse...

os problemas advêm de um conjunto de IGNORÂNCIAS: a Ignorância da Pobreza, a da Violência, a da deseducação, a do respeito próprio, da corrupção, dos valores, das responsabilidades, etc.
E enquanto cada um e todos não formos responsáveis pela parte que nos pertence ou que nos está confiada, penso que não melhorará a vida social.

Marilu disse...

Querido amigo, tenha um lindo final de semana. Beijocas