Convite a quem nos visita

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos - 8º dia

Chamados ao ministério da reconciliação
Leitura bíblica: Mt 5, 21-26
«Ouvistes o que foi dito aos antigos: Não matarás. Aquele que matar terá de responder em juízo. Eu, porém, digo-vos: Quem se irritar contra o seu irmão será réu perante o tribunal; quem lhe chamar ‘imbecil’ será réu diante do Conselho; e quem lhe chamar ‘louco’ será réu da Geena do fogo».
Comentário:
Termina hoje esta caminhada de oração pela unidade dos cristãos e dos povos. Procuramos em cada dia apresentar uma citação dos textos bíblicos que foram propostos para a oração de cada um dos dias da semana, seguido de um pequeno comentário como achega para a reflexão. Fomos chamados a regressar às nossas origens cristãs – aquela Igreja apostólica de Jerusalém. Pelas ressonâncias que nos chegaram, este contributo serviu a muitas pessoas. Ainda bem.
No último dia, a oração pela unidade radica na ideia da reconciliação. É um tema importante. Não há unidade sem reconciliação. Perante a mensagem do Evangelho de Jesus Cristo, não faz sentido os irmãos desavindos e quando seja necessário o abraço sentido em lágrimas seria bom para sanar as feridas da desunião. Porém, esta etapa requer humildade para reconhecer os erros e abertura de espírito para encetar novos rumos que levem à paz entre todos.
O apelo à unidade é um apelo à reconciliação, que se deve traduzir na conversão das nossas acções pessoais, mas que também devia ter expressão bem concreta na mudança em muitas das acções da nossa Igreja Católica, para que a oração não se fique por isso mesmo, oração bonita sem consistência nenhuma na realidade. E como diz São Tiago: «A fé sem obras é morta» (Tiago 2, 17).

2 comentários:

Paróquia Nossa Senhora Aparecida - Vila Rubim Cambará disse...

Pertinentes esses artigos pela unidade dos cristãos....Há desconfiança de parte a parte e temos de limar arestas entre os que se dizem cristãos! Apesar de tudo, muitos "crentes" como se diz por aqui não admitem a frase "A Fé sem obras é morta!" porque dizem que basta ter fé e tudo acontecerá! Visões diferentes e à primeria vista, irreconciliáveis... Mas O Bom Pastor, e só Ele, dará um jeito!....

tukakubana disse...

Muito oportunos estes textos: fazem-nos pensar nas nossas obrigações e deveres, nos nossos direitos espirituais, também.Obrigada pela partilha