Convite a quem nos visita

sexta-feira, 6 de maio de 2011

O sonho

Nota: Eis um dos poemas da minha vida...
.
Pelo sonho é que vamos,
Comovidos e mudos.
Chegamos? Não chegamos?
Haja ou não frutos,
Pelo Sonho é que vamos.
..
Basta a fé no que temos.
Basta a esperança naquilo
Que talvez não teremos.
Basta que a alma demos,
Com a mesma alegria,
ao que é do dia-a-dia.
...
Chegamos? Não chegamos?
....
-Partimos. Vamos. Somos.
Sebastião da Gama

3 comentários:

Marly Bastos in "palavreados ao vento" disse...

O importante é se dispor a ir. Se chegaremos ou não é outra questão.
Porém somos aprovados naquilo que dispomos a fazer e não pela total e perfeita execução.
Paz sempre e um fim de semana memorável.

tukakubana disse...

lembro-me de saber de cor este poema e de o ter de recitar numa aula de Português.A drª Margarida Léon deu-nos Sebastião da Gama ao ponto de nos levar até Sesimbra. A vida corre, os balões rebentam, os sonhos voam, e nós ficamos sempre com a mão aberta e a sensação de ter perdido o cordel....

José Luís Rodrigues disse...

E no entanto o sonho continua...