Convite a quem nos visita

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Pensamento suave

Só para que a ausência não traga pensamentos malévolos. Abraço-vos...
....................................................
As colinas da noite caíram sobre um vale redondo
onde a paz de Deus sabia ao mel dos rochedos
do tempo da criação imemorial
das montanhas do silêncio
quando a brisa ditou o momento primeiro da luz.
Vieram os dias e as noites como vestígios de uma sabedoria
que a nuvem reflectiu nos sargaços da paisagem
no recôndito interior de uma alma arqueada pelo som
presente de um desejo distante.
Depois cantaram a lira e cítara as melodias
do abraço de Deus quando o escuro
parecia ser a face única desta história.
Mas sempre do fundo e do mais fundo ainda
se levantou uma réstia de uma pequenina luz
que os nossos antigos souberam dar como alimento
ao que diziam inacessível ao pensamento.
Suave lembrança emerge em sumo
para dar sentido a esta sede de paz
em todos os recantos do mundo.
Venha tudo o que ditam as encostas que se elevam
nos segredos nocturnos deste caminhar.
E nessa certeza emerge em círculo
um pensamento suave.
Não preciso de mais nada
para saber-me aqui onde o sol faz raiar a aurora.
JLR

4 comentários:

Graça Pereira disse...

Lindo! É na noite que se ama mais a luz!!
Abraço e bom fds.
Graça

José Luís Rodrigues disse...

Muito agradecido. Bom fin de semana tb para si.

Jose J Prado disse...

Oi Pe. a paz de Jesu um forte abraço e que sejas feliz fique com Deus

tukakubana disse...

encontrar a Paz, manter o pavio aceso contra ventos e tempestades, conquistar a chama. Abraço