Convite a quem nos visita

sábado, 28 de janeiro de 2012

O Baptismo

Baptizais: arrancais dum anjo um satanás.
Desinfectais Ariel banhando-o em aguarrás
De igreja e no latim que um malandro expectora.
Dizeis à noite: - limpa a túnica da aurora,
E ao rouxinol dizeis: - pede a bênção da c'ruja.
Dais os lírios em flor ao rol da roupa suja,
Representais a farsa estúpida e sombria
Dum cónego a lavar um astro numa pia,
Finalmente extraís da inocência o pecado,
Que é o mesmo que extrair duma rosa um cevado;
E tudo isto porquê? - Porque na bíblia um mono
Devora uma maçã sem licença do dono!
Guerra Junqueiro, A Velhice do Padre Eterno
Imagem Google...

Sem comentários: