Convite a quem nos visita

sábado, 14 de abril de 2012

Alegria

Não tivesses tu simplicidade, como poderia
acontecer-te o que agora a noite enche de luz?
Vê, o Deus que sobre os povos em ira ardia
torna-se manso e em ti ao mundo vem Jesus.
Terias imaginado maior esse Menino?
O que é a grandeza? Através de toda a medida
pela qual Ele passa, se traça o Seu vertical destino.
Nem mesmo um astro tem uma rota assim erguida.
Vês, estes reis são grandes, imponentes,
diante de ti depositam presentes
que tomam por tesouros sem par,
e talvez te assombre a oferenda que aí está:
mas para as pregas dos teus panos dirige teu olhar,
vê como Ele tudo supera já.
Todo o âmbar que se envia para a distância
Todas as jóias de ouro e especiaria do ar,
que turvando-se nos sentidos se vêm envolver:
tudo isto rapidamente veio a terminar,
e por fim todos se vieram a arrepender.
Mas, hás-de ver, Ele enche de alegria toda a ânsia.
Rainer Maria Rilke
(A Vida de Maria)

Nota: Título do autor do blogue... Bom fim de semana para todos os leitores deste Banquete da Palavra.

(Imagem Google)

1 comentário:

maria disse...

Caríssimo José Luís,

se fizer o obséquio de passar no meu jardim, há lá uma coisinha para si. (com todo o respeito, claro) ;)