Convite a quem nos visita

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Uma Santíssima Trindade


Sei de ti meu Deus Grande e Omnipotente
Na encosta amiga de uma vontade
E como Ti vi no sorriso terno da criança
Que recebeu uma roupa
Um pão
Um beijo de um amigo
No impulso solidário.

Mas estava o Outro Deus em Jesus
Na fome saciada
No trabalho empregue no bem
Na sentida paixão pelo abraço fraterno
Na prisão do crime
Na prisão do sofrimento
Na prisão da solidão e do abandono
Na prisão da má sorte
Daquela vida que tinha tudo para ser certa
Mas falhou o juízo
E o mistério fez a miséria deste mundo
Que sem Jesus ainda seria mais órfão de tudo.

Porém, senti o terceiro Deus em Espírito
Que dizem Santo na oração da paz
No perdão que mata a distância
E fecunda a alegria de uma festa 
Porque diz do fim da divisão
Gera vida em terra boa
Em abundância
Em verdade
Em beleza
Nos caminhos que se engalanaram
Para o encontro do amor
Dos passos em volta
No canto alegre deste momento
Amparado pelo dom antigo
Que os anjos anunciam
Na caridade dos carismas
Que vejo nas mãos e nos pés
Que se soltam do egoísmo.

A vida neste mundo só faz sentido
Se fazemos alguma coisa pelos outros.
- Se não for assim pouco vale a pena ter vindo para aqui! 
José Luís Rodrigues

Sem comentários: