Convite a quem nos visita

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

E eu Creio? (5)

E eu creio...

Olá amigos. Partilho convosco o contributo/partilha da amiga Magna Oliveira, que deu largas ao seu coração e participa nesta secção do Banquete «E eu creio...». O convite mantém-se de pé para todos os que desejarem participar. Pode ser um incentivo a outros para acreditarem e reanimarem a riqueza da vida com o caminho da fé. Somos exemplo uns para os outros e a utilidade da nossa vida radica aí mesmo na capacidade que temos para partilhar o que somos e vivemos, sem isso a vida não tem sabor e servirá para pouco. Por isso, continuo a aguardar a vossa participação. A imagem que acompanha a reflexão da Magna é da sua igreja paroquial, São Gonçalo, porque diz que foi ali que tudo começou e onde sempre cultivou a sua fé. Bela ideia Magna.
Sim, eu creio em Deus Nosso Pai, que nos criou à sua imagem para sermos felizes. Creio que Deus criou o mundo e tudo o que nele existe para nós, porque nos ama, apesar das nossas fraquezas que só Ele conhece bem.
Sim, eu creio em Jesus, Deus Menino, que se fez homem para viver e morrer entre nós e para nossa salvação. Creio firmemente que Jesus, meu Irmão, deu a Sua vida para nos livrar do pecado e dar-nos a vida eterna pela ressurreição.
Sim, eu creio no Espírito Santo que nos dá a força necessária para enfrentar os nossos dias de tempestade com maior confiança e os dias de felicidade com a alegria de saber agradecer pela graça da vida.
Sim, eu creio na Santíssima Trindade, que é Deus com o Filho e o Espírito Santo que vive em nós como um único bem, que nos alimenta na fé quando é tão difícil viver e aceitar as circunstâncias da vida que nem sempre corre bem.
Sim, eu creio na Igreja instituída por Jesus Cristo – na igreja sem riquezas materiais, sem vaidades nem protagonismos, e que existe com o propósito maior de ensinar a palavra de Deus e levar o Seu povo pelo caminho da verdade, da fraternidade, da caridade e da vida feliz com todos os irmãos à volta da mesma mesa.
Sim, eu creio e espero que todos nós criados à imagem de Deus, encontraremos a solução para tantos problemas da humanidade, apercebendo-nos, finalmente, que a mesma é e sempre foi seguir o caminho apontado por Jesus desde o seu nascimento até à sua morte – justiça, amor, perdão, paz…
Sim, eu creio que chegada a minha hora de deixar este mundo, a minha alma encontrará toda a ternura, a bondade e a misericórdia de Deus, nosso Senhor, ressuscitando e repousando em paz para todo o sempre. Ámen! 
Magna Oliveira

Sem comentários: