Convite a quem nos visita

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

A via do diálogo e um desafio

O Cardeal Maria Martini, antigo cardeal de Milão, falecido recentemente, proponha um caminho para este panorama assustador que nos persegue, a via do diálogo. E o facto, do sepulcro estar vazio é um bom sinal, exactamente, por onde começa o Cristianismo. A vida venceu o medo e derrotou o abismo do sofrimento e da morte. Todos são convocados para encetar caminhos de progresso humano para todos.
O medo e a desorientação geral não podem ter a última palavra nem podem ser motivo de derrota final. Devem isso sim, ser uma possibilidade de redenção que nos junte a todos e que dessa forma se imaginem novos modelos e novas formas de vida que nos orientem para a verdade da felicidade.
A desresponsabilização pessoal que vivemos, que leva a que cada um não se sinta sujeito do que faz e do que é, parece fazer alguma confusão. Porém, não nos podemos deixar vencer. É preciso, é urgente não se demitir da sua história pessoal e cada um deve ser capaz de enveredar pelas vias da salvação.
A abundância de notícias sobre a muita insegurança que se vive; a violência quotidiana que parece conviver com todos em cada esquina da vida; a exclusão social dos emigrantes vindos de tantos lugares do mundo; a tendência generalizada para o egoísmo que desemboca em integralismos desumanos, muitas vezes, com pontos de vista muito vincados; a teimosia das máfias que parecem dominar o mundo com redes secretas do comércio ilegal, tanto de drogas e tanto de seres humanos; a fome que se senta à mesa de tantas famílias; o desemprego que faz desesperar tantas pessoas...
A complexidade do mundo, deverá ser um desafio para todos. E é diante desta diversidade e multiplicidade positiva e negativa, que todos são chamados para acções concertadas em favor do bem comum. Chega de pessimismos e medos desnecessários. Que cada um seja capaz de dar largas à sua imaginação e se faça um verdadeiro construtor de alternativas boas em favor da felicidade da humanidade toda. Um desafio!

Sem comentários: