Convite a quem nos visita

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

O sentido da vida

Mesa da Palavra
Comentário à Missa do próximo domingo
Domingo XXXII Tempo Comum, 10 Novembro de 2013

Nos textos da missa deste domingo descobrimos outra vez que o nosso Deus é um Deus de vivos e não de mortos. Esta fé que dá forma e conteúdo a cada um de nós e a toda a comunidade reunida, é o centro da vida cristã. Somos chamados a proclamar que Deus é o Senhor da vida, que em Jesus fez com que a morte fosse vencida e apontou o caminho para a certeza da ressurreição, não apenas para Cristo, mas também para todos os que acreditarem Nele.
Este é o Deus dos vivos, porque detesta tudo o que seja causa de morte. Por isso, chama-nos à vida ressuscitada constantemente. Apenas requer de cada um a fé segura nessa certeza revelada pela sua palavra. Digamos como dizia um escritor famoso (Dostoievski): "Comecei a amá-lo e me alegrei com o seu amor. Será possível que Ele me apague e a minha alegria se transforme em nada? Se Deus existe, também eu sou imortal". Ora bem, esta fé em Deus, como dimensão de vida para todos os momentos, dá-nos o sentido da nossa existência. E com isso divinizamo-nos, somos a glória viva de Deus. É sempre necessário acender a luz da fé nessa possibilidade de plenitude.

Sem comentários: