Convite a quem nos visita

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Pérolas de outro amigo de trabalhadores e pensionistas

Sempre nos fez bem termos prendido que quem dá aos pobres empresta a Deus. Mas alguma maturidade e a curta experiência de vida vai ensinando que quem insulta os pobres empresta ao diabo.
Este sr. que se pavoneia em muitos meandros católicos, chamado para dar conferências ou lições a bispos, padres e catequistas, levantou-se e foi dizendo o que lhe vai na alma em entrevista ao Diário de Notícias de Lisboa.
Destacamos algumas pérolas para que conste e fique bem gravado para o futuro. E que fique registado, já escutei algumas vezes este senhor um pouco contra a minha vontade, mas a partir de agora fugirei das suas lições catequéticas como o diabo foge da cruz.
Vamos às pérolas.
1.     O aumento da retribuição mínima seria a pior forma de «estragar a vida aos pobres» e a criação de um movimento de opinião que defenda esta medida é «criminoso».
2.     «A maior parte dos pensionistas estão a fingir que são pobres".
3.     «É uma válvula de escape espantosa que Portugal sempre usou» e de congratular os bons sinais da economia, frisando que «o vento mudou».
4.     João César das Neves adianta ainda «os do sul têm de mostrar que não são aldrabões e que não andam a pedir esmolas», trabalhando para controlar o défice.
5.     Sobre as decisões do Tribunal Constitucional, o economista acusou esta entidade de «não estar a funcionar em termos jurídicos, mas sim em termos políticos» e de «não argumentar com detalhes mas sim com princípios genéricos como igualdade e outras coisas».

Para quê mais palavras e comentários. Pérolas são pérolas, têm valor por si mesmas.

2 comentários:

Isabel Abreu disse...

Boa tarde Sr. Padre José Luís,
subscrevo as suas palavras, este "senhor" está à mando desta política desumana e miserávelista em que foi transformada a classe política que nos desgoverna.
Este "senhor" anda a fingir que é economista, anda a fingir que é um ser humano.
Agradeço a suas palavras e a sua frontalidade, uma pedrada no charco que está a irradiar uma boa onda.
Pérolas são pérolas, há quem não lhes de o devido valor.

Abraço fraterno.
Isabel Abreu

Jose Leite disse...

Meu caro,

Este senhor das Neves, deve andar congelado das ideias e dos sentimentos. Não sabe que há muitos empresários que querem até um aumento desse salário para motivar os trabalhadores e aumentar o consumo, permitindo um maior escoamento da produção. A economia beneficia desse aumento. Muito embora se reconheça que nalguns casos possa ser pernicioso.Agora generalizar de forma tão radical é pura estultícia.

José Leite de Sá