Convite a quem nos visita

sábado, 28 de dezembro de 2013

O incerto

Para o fim de semana sobre a «Sagrada Família». A de cada um de nós onde não faltou o pão nosso de cada dia do amor...
Nas serras que ladeiam a casa soberba da luz
No meu nascimento de cada dia podia contemplar
O verde até aos céus da montanha do Pico da Cruz.

Mas o mais sublime vinha do ribeiro
Onde sobrevoavam de um lado a outro os pássaros
Com nobre sinfonia chilreavam a solidão dos dias
Mas também prometiam o futuro que viria
Na música e nos voos da luz imensa
Da minha história que não queria apenas
Senão que fosse maior do que a paisagem
E ainda mais refinada do que aquele momento
Que vivo neste pensamento suave da lembrança.

Nesse tempo de gente sensível e pequena ainda
Sempre me diziam na oração o quanto seremos felizes
Se dentro de uma casa mesmo que pobre
couber todo o movimento do mundo.

                                                              José Luís Rodrigues

Sem comentários: