Convite a quem nos visita

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Extraordinário exemplo para as reformas

Brilhante ideia para ser aplicada entre nós... 
Na Suíça, ao contrário de Portugal, não há reformas de luxo. Para evitar a ruína da Segurança Social, o governo helvético fixou que o máximo que um suíço pode receber de reforma são 1700 euros. E assim, sobra dinheiro para distribuir pelas pensões mais baixas.
Fiquei surpreso que estivesse a ser praticada esta ideia extraordinária de estabelecer uma pensão limite, 1.700,00 Euros. Precisamos disto no nosso país. Quando aparecer um partido, seja ele qual for, que proponha esta ideia da limitação das reformas, pode contar imediatamente com o meu voto. Já tenho esta ideia há muito tempo, não sabia que havia um país que a praticava. Vejam lá os que andam a defender que não é uma ideia possível. Esta sim, uma solidariedade concreta, que faz parte da política concreta do Estado. Mais ainda se pensarmos que é uma forma eficaz de lutar contra a pobreza. Tudo que que andamos a fazer e a dizer não passa de blá, blá. blá... Agora tenho mais um argumento para reforçar esta ideia e passarei a dar o exemplo da Suíça como país que pratica a solidariedade através das reformas. Bravo povo Suíço.

Sem comentários: