Convite a quem nos visita

terça-feira, 24 de junho de 2014

A loucura humana não tem limites

"O futuro da Humanidade e da vida na Terra é muito incerto. Estamos em risco de nos destruirmos à conta da nossa cobiça e da nossa estupidez."( Stephen Hawking)
Enquanto as revistas e cadeias de TV falam da vida das celebridades, o Chefe da tribo dos “Kaya po” recebeu a pior notícia da sua vida: Dilma, a presidente do Brasil, deu a sua aprovação para a construção duma enorme central hidro-eléctrica (a terceira maior do mundo).
A barragem inundará cerca de 400 000 hectares de floresta. É a sentença de morte para todos os povos que vivem junto das margens do rio.
Mais de 400 000 Índios terão de encontrar novos lugares para viver.
A destruição do habitat natural, a deflorestação e o desaparecimento de muitas espécies são um facto!
Nós sabemos que uma imagem vale por mil palavras, e mostra o verdadeiro preço a pagar pela “qualidade de vida” dos nossos modos de vida “modernos”.
Já não há mais lugar no mundo em que vivemos lugar para aqueles que vivem de modo diferente, que tudo tem de ser nivelado, que cada um, em nome da mundialização, deve perder a sua identidade, a sua maneira de viver.
Recebido por mail…
Nota do autor do blog: Esta imagem indigna por demais. Para onde vai a humanidade com a sua ganância e loucura? – É preciso travar os loucos que desgovernam o mundo sem se importarem na com a nossa «casa comum» a «Mãe Terra», a nossa «Gaia». Então a aposta em outras fontes de energias não é possível, sem que se ponha em causa o habitat das pessoas e dos animais? – O Brasil era campeão na aplicação dessas energias, mas afinal, enveredou pelo caminho da loucura igual aos outros. Temos pena. Muita pena.

Sem comentários: