Convite a quem nos visita

sábado, 17 de janeiro de 2015

A Liberdade

Para o fim de semana. Sejam felizes sem prejudicar ninguém...
Ah como te busco interiormente
com sentida dor por vezes nos percalços
inesperados do tempo e da maldade
que alguns plantaram vingativamente
com sangue e tudo o que a carne rasgada
faz verter quando oprime o som e a visão.

Porém vieram os deuses antigos
que nos destinaram o pão e o gosto
do trabalho que fez erguer os monumentos
como casas nas encostas da vida e do mundo
que sempre começa fecundo em embrião
na virtude incandescente do pensamento.

Somos pássaros que voam em desejo
ou sonho ideal livre nos caminhos
como quando sorriem as crianças
na alegria dos baloiços que vão e vêm
ao encontro de todos nós como irmãos
quando proclamamos todos os dias liberdade.

Ser liberto de si e do que digam todos
sem opressão mesmo que os rostos
cantem as lágrimas agora e sempre…
ah, mas quanto vale voar sem amarras
se até aos céus se fazem os nossos planos
quando nada se fica por um pobre padrão.
José Luís Rodrigues 

Sem comentários: