Convite a quem nos visita

sábado, 20 de junho de 2015

As pontes da amizade

Para o nosso fim de semana. Sejam felizes sempre sem prejudicar ninguém...
À Lúcia Campos, de Feira de Santana, Brasil, que vai ler este poema à luz da glória do amor eterno de Deus
Há como que um sobressalto
uma inquietação silenciosa
mas amiga da paz
e das flores que os canteiros
ostentam à face do húmus
fértil desta visão
mesmo que ténue
dos sentidos
que o olhar distante
engendrou aqui tão perto
na estrada do coração.
José Luís Rodrigues

Sem comentários: