Convite a quem nos visita

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Quatro sonhos quatro lutas - inspiradores para o mundo

Estamos perante um discurso histórico. Não podem estas palavras não serem inscritas nos nossos corações. O Papa estruturou a sua mensagem no Congresso dos Estados Unidos entre «quatro sonhos e quatro lutas» com base em quatro filhos da América que continuam a ser inspiradores para a América e para o mundo.   
“Quatro indivíduos e quatro sonhos”: o histórico discurso de Francisco no Congresso dos EUA se estruturou no exemplo de “quatro filhos da América”
Abraham Lincoln, Martin Luther King, Dorothy Day e Thomas Merton: seus “sonhos e lutas” podem continuar inspirando hoje o povo norte-americano.
Abraham Lincoln: o sonho e a luta por um novo nascimento da liberdade.
Martin Luther King: o sonho e a luta pelos direitos civis e políticos plenos para todos.
Dorothy Day: o sonho e a luta pela justiça e pela causa dos oprimidos.
Thomas Merton: o sonho e a luta pela paz entre os povos e religiões. 
Destaco as palavras finais do discurso do Papa: chave de ouro do discurso do papa Francisco no Congresso dos EUA foi a família, “essencial na construção deste país e merecedora do nosso apoio e incentivo! Mas eu não posso esconder a minha preocupação com a família, ameaçada hoje, talvez mais do que nunca antes, de dentro e de fora. Relações fundamentais estão sendo questionadas, assim como a própria base do matrimónio e da família. Eu só posso voltar a propor a importância e, principalmente, a riqueza e a beleza da vida familiar”.
Que esses “quatro indivíduos e quatro sonhos” continuem encorajando os Estados Unidos, exortou Francisco, para que “o maior número possível de jovens possa herdar e habitar uma terra que inspirou tantas pessoas a sonharem. Deus abençoe a América!”. Para ler e guardar para ser vivido...

Sem comentários: