Convite a quem nos visita

sexta-feira, 1 de abril de 2016

A inveja

Para o nosso fim de semana. Sejam felizes sempre sem prejudicar ninguém...
É um fogo amarelo denso
sobe as artérias dos povos
é vil sentimento dele penso
se faz a vida de velhos e novos.

Pela mágoa come o invejoso
muito tempo gasta e é forte
é um mal do mundo tortuoso
leva gente demais até à morte.

Tantas vezes explode pelo rancor
converte-se em cegueira do ódio
e faz do mundo húmus de pavor
pois todo o invejoso é mórbido.

Mas fica a certeza que a inveja
não pode ser o motor da vida
a luz do amor é o que se deseja
quem não vive por aí é homicida.

Vamos dizer de cima do telhado
deixando em paz os passarinhos
nada serve pela inveja ser tomado
esse caminho é dos mesquinhos.
José Luís Rodrigues

1 comentário:

Arlinda Spínola disse...

Lindo poema e obrigada pela partilha Sr. Padre José Luís. Boa semana para si e para os seus paroquianos.

Com os cumprimentos de Paz e Bem.

Arlinda Spínola