Convite a quem nos visita

terça-feira, 5 de abril de 2016

O acidente do astrónomo

Uma pequena história de Esopo ensina: 
Era uma vez um astrónomo que tinha o costume de sair todas as noites a observar os astros do firmamento.
Um dia, quando vagueava pelos arrabaldes de cabeça erguida e olhos no céu, caiu, por descuido, num buraco. Lá de dentro, lamentava-se e gritava por socorro.
Um transeunte, ao passar, ouviu os seus gemidos, aproximou-se e perguntou:
- O que foi que lhe aconteceu?
De dentro, uma voz:
- Andava a olhar para cima e cai aqui em baixo!
O transeunte disse-lhe:
- Então, amigo, pretendes conhecer o que há no céu, e não te interessas pelo que há na terra? 
Para fazer pensar:
* Nós cristãos, devemos ter o nosso olhar fixo no céu, a pátria definitiva para onde Deus nos chama, mas devemos também em cada hora e em cada momento da nossa vida, olhar à nossa volta para que nada deste mundo nos passe ao lado.
* Nós cristãos, devemos estar atentos a toda a realidade deste mundo. Tudo o que o mundo contém de bom e de mau, não deve passar despercebido àqueles que acreditam num mundo sempre melhor para todos.
* Será que somos suficientemente sensíveis aos problemas da sociedade e do mundo? Será que temos verdadeiro conhecimento daquilo que o Evangelho de Jesus Cristo e a Igreja Católica dizem acerca dos mesmos?
Pensamento:
«O bem que se praticou é o que fica e é por ele que a vida vale alguma coisa».
Jean-Jacques Rousseau   

Sem comentários: