Convite a quem nos visita

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Corpo e alma reencontrados

O Blogue Banquete da Palavra fecha aqui por alguns dias para férias. Fiquem bem e se for o caso tenham umas férias felizes. Se voltam ao trabalho ou se continuam nele, fiquem bem e acolham sempre toda a actividade com amor e façam tudo pelo amor, porque «sem o amor o homem é apenas um cadáver em férias» (Erich Remarque).  
Chegou o momento em que se para no meio caminho
serve para sentir intensivamente a brisa que passa
refrescar o pensamento folha a folha
e deter-me sossegado sem pressas
em cada ideia conjugada na história da amizade.
Não sei nem quero saber de mais nada
das quezílias quotidianas antigas e presentes.
Só olho para a paisagem presente neste olhar
e de que serviria olhar para outro la do
se basta a hora e o momento retemperado
na meia encosta do sonho e na margem do mar.
Saboreemos esta dádiva que se chama férias
a paragem que os ritmos mudam e retemperam
o corpo abatido da correria temporal do ano
mais ainda o espírito misterioso que nos move.
Então tiro férias de mim que me fatigo
férias das dúvidas que me derrubam
da atenção crítica que me dá gozo
das ilusões que me fazem sorrir e enlouquecer
com os pés assentes na terra pois isso é breve.
E tudo isto sem fixação é apenas um pouco
na imensidão do universo e da existência
pois sendo tantas vezes ao ano repetidamente
também me custa e cansa.
José Luís Rodrigues

Sem comentários: