Convite a quem nos visita

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

O país do burro carrega duro e ainda agradece

Fui ler com mais atenção a seguinte notícia, depois da pancada valente que a Antena 1 me aplicou logo pela manhã, sobre a cabeça que até me deixou atordoado. Diz o seguinte: «O Governo liderado por Pedro Passos Coelho aprovou em outubro o aumento do salário de três membros do conselho de administração da entidade reguladora da aviação civil em cerca de 150%». A seguir especifica que a «decisão do anterior Executivo a remuneração mensal do presidente Autoridade Nacional de Aviação Civil (ANAC), subiu de 6030 euros para 16.075, o salário do vice-presidente aumentou de 5499 euros para 14.468 euros e o da vogal passou de 5141 euros para 12.860».
Mas afinal o que é isto? - Para uns não falta dinheiro a rodos, para outros nunca há e a única opção que lhes é oferecida é a morte.
Isto lembra-nos ainda mais que estamos num país de gente nada séria. Não servem, muitos dos governantes, sequer para gerir um galinheiro. À sua mão as galinhas morrem todas de certeza, senão todas pelo menos a maioria.
Não vale a pena mais lembrar as desgraças da saúde, isto é, o pandemónio em que se tornaram muitos dos nossos hospitais, a desgraça da educação e o sofrimento em que estão mergulhadas muitas famílias portuguesas por causa do desemprego e da recusa da Segurança Social, porque não tem verba para apoiar as famílias que o país votou à miséria.
Por estas e por outras, os portugueses barafustam entre portas, nos cafés entre dentes e cada um para si vai remoendo a sua revolta, enquanto estes governantes loucos vão fazendo a folha à maioria e colocando no melhor dos mundos quem teve a sorte de nadar no quentinho dos serviços que dão sorte, porque fazem fretes aos inúteis e irresponsáveis que o povo elegeu para governar.
Enquanto tivermos um povo que passa a segunda feira inteira a falar de árbitros, de jogada assim ou assado na última jornada de futebol e da crispação artificial entre treinadores, este país não se endireita. Quando se berra a plenos pulmões por causa destas questões, existirá sempre uns governantes que à socapa farão valer as piores medidas contra o seu povo. Os responsáveis por este descalabro é todo o povo que perdeu a vontade de se reconhecer como povo com dignidade e não tem ânimo para lutar contra a injustiça.
É caso para dizer carrega burro e não te esqueças de agradecer a dádiva.

Sem comentários: