Convite a quem nos visita

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Colhe um dia de cada vez

Assim homenageio todos os que gastam algum tempo a ler este Banquete da Palavra. Sejam felizes sem prejudicar ninguém e acolham o ano novo com esperança. Semeemos a paz e tudo virá depois com valor acrescentado. Um abraço fraterno e amigo para todos... 
Trilhos novos nos dias do momento
Que se encadeiam solenemente
Um após outro no fio do tempo.

Esta hora da vergôntea podada
É o olhar e a visão do sonho novo
Redimido o que foi em cada ferida sarada.

Os olhos fixam-se no fruto maduro
Está escondido o fermento da esperança
E sem hesitar desvela destemido o futuro.

Os passos no agora são o que auguro
Mesmo com a insegurança no incerto
Cada momento fica o que somos é tudo.

É eterna a hora que não para nós já vemos
Mesmo que confesse frágil a existência nossa
Semeia e colhe no dia em que vivemos.
José Luís Rodrigues

Sem comentários: