Convite a quem nos visita

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Cristina Ferreira e os trabalho de casa do filho

1. Esta rapariga é apresentadora do programa da TVI, Você na TV. Ela é notícia porque se desarma a rir com coisas estapafúrdias e por vezes sem graça nenhuma. Já foi também notícia porque mostrou as cuecas. Não se trava no vocabulário e por causa do que diz sem freio na língua já várias vezes também andou por aí nas bocas do mundo. Em nenhum momento liguei a nada do que se referia ao cometa Cristina Ferreira (CF). Porém, desta vez chamou-me a atenção o seu pronunciamento sobre os trabalhos de casa do seu filho. Declarou esta sumidade acerca dos estudos de casa do seu filho: «Às vezes não lhe apetece fazer os trabalhos e eu também não o obrigo. Digo sempre ‘não faças, eu depois digo à professora que não tiveste tempo’. Quero lá saber». «Eu também quero lá saber» da educação que CF dá ao seu filho, mas tendo em conta que ninguém é uma ilha e amanhã este filho está num lugar de decisão que tem a ver com a minha vida e a vida de todos nós, aí sim, a coisa tem que ver connosco e por isso não digo de todo «quero lá saber».

2. Assim, quer isto dizer que está totalmente desinteressada da educação do seu filho. Tanto lhe faz que no dia seguinte na escola o seu filho fique mal diante da sua professora e colegas porque não vez os trabalhos de casa, ainda mais justificado com uma desculpa esfarrapada como acabou por admitir na mesma conversa que é frequente fazê-lo. Esta mulher, gabarolas por ser mãe, fala deste modo do filho, ensinando-o a ser desregrado, indisciplinado, mimado e desleixado quanto aos seus deveres.
3. Os trabalhos de casa, já o dissemos várias vezes são demais e ocupam muito as crianças em casa, faltando-lhes muitas vezes tempo para brincarem e estarem com os seus pais. A escola hoje absorve várias horas do dia às crianças, que ficam com pouco tempo para estarem em casa, por isso, quando regressam a casa deviam ter boa parte do tempo para o convívio familiar. Tudo isto é verdade e devia ser considerado por todos os agentes da educação. Mas, não o devemos fazer da forma como o faz CF. O sistema educativo falha neste domínio. Mas, funcionando assim, não pode ser combatido com a douta pedagogia de CF.
4. Os métodos de CF são muito maus exemplos, que não devem ser seguidos por pais nenhuns, mesmo que discordem dos trabalhos de casa. Não fazê-los e justificando porque não se fez com desculpas esfarrapadas como foi confessado, ensinam o filho a ser indisciplinado, mentiroso, preguiçoso e convencido. Indisciplinado porque não vai aprender a viver com regras e não vai aprender que precisamos de cumprir os nossos deveres. Mentiroso, porque bebeu da própria mãe essa forma de estar na vida e com a mentira vai procurar safar-se das suas irresponsabilidades entalando os outros sem qualquer sombra de escrúpulos. Preguiçoso, porque vai viver sempre à conta dos outros porque não é preciso trabalhar para conseguir as coisas. CF tem dinheiro e fama, por isso, é-lhe fácil providenciar tudo. O filho será convencido, porque a mãe garante-lhe tudo, tudo resolve, até mesmo uma desculpa esfarrapada para não ter feito os seus deveres de casa.
5. Cinco aspectos a ter em conta. Primeiro, tudo isto revela um desrespeito muito grande pela professora, fazendo-a de parva e desconsiderando de forma ignóbil o seu trabalho. Segundo, desrespeita o sistema de ensino, mesmo que tenha as piores lacunas, mas é o nosso e é o que temos neste momento no nosso país, onde estão milhares de crianças a se prepararem para o futuro. Terceiro, é uma mãe que não sabe educar neste domínio da escola, porque não sabe minimamente quais são os valores que tem que transmitir ao filho que tem à sua responsabilidade. Quarto, não o respeita nem muito menos respeita o seu futuro. Quinto, está a educar um filho mimado e cheio de manias, nada é mais terrível quando encontramos numa pessoa, ainda mais quando venha a ter que assumir a responsabilidade pelos outros.
6. CF, vê se encurtas a rédea e poupa-nos das tuas excentricidades. O teu estrelato não pode justificar tudo e já que te foi dada essa projecção, fica-te na condição de estrela, porque desejando ser cometa passas velozmente ao lado. No entanto, tragicamente, a tua passagem é tão estrondosa às vezes que deixa um rasto de miséria que faz mal a muitos, particularmente, as crianças.

1 comentário:

hugo pxo disse...

Assim ta no caminho errado..deveria educar a criança tb sobre custos de vida..mãe milionária e famosa já sei o tipo d criança k virá a ser.. Mimado terá td k ker.e sem valor d vida...